• Partidas

    Revolut: O melhor cartão para viajar

    Depois de ter cometido o erro crasso de ter viajado durante 6 meses com o meu cartão de débito normal e ter gasto cerca de 10% do meu orçamento em taxas de levantamento e taxas de conversão achei que devia procurar uma solução e garantir que isto nunca mais aconteceria.  E encontrei o Revolut. O Revolut é um banco online com grandes vantagens para quem viaja. Para além de não ter aquelas chatices de ir a um balcão e preencher e assinar milhares de papéis, também tem as melhores taxas de conversão do mercado (com uma margem mínima de lucro) e dá-te a possibilidade de levantar dinheiro noutras moedas sem…

  • Chegadas,  Partidas

    13 aplicações que te ajudam a viajar

    Sempre fui daquelas pessoas irritantes que insistem em não usar a tecnologia quando viajam. Mapas? Os de papel é que são! Comprar um cartão SIM? Uso o wifi do hostel que bem chega! E fui assim até decidir viajar seis meses sozinha. Porque sendo realista, a última coisa que queria era perder-me num gueto qualquer da cidade onde ninguém fala inglês. Para além disso, a internet é a melhor forma que tens de contactar com a família e como não queria preocupar a minha mãezinha decidi converter-me a um tipo de viajante mais tecnológico. E estas foram as apps que tornaram a minha vida muito mais fácil Olá mãe, olá…

  • Food for Thought,  Partidas

    10 Lições aprendidas em 6 meses de viagem

    Viajar não seria viajar se não aprendêssemos alguma coisa. E por muito cliché que pareça, há muito que é posto em perspectiva, há erros que não tinhas definitivamente planeado e vais conhecer as pessoas mais incríveis da tua vida, que passados dois dias vão estar no outro lado do mundo. Isto é o que eu aprendi a viajar sozinha: 1.  O mundo é um lugar melhor do que parece Pode parecer um pensamento muito ingénuo, mas quando viajas e não vês notícias parece que o mundo é o lugar mais maravilhoso que se pode imaginar. As pessoas são simpáticas em todo o lado, ajudam-te, sorriem… e é por isso que…

  • Partidas

    O que levar numa mochila para 6 meses

    Preparar uma mochila para 6 meses de viagem, para climas desde 40 graus e praia até menos 5 e glaciares não é fácil. Mas é possível! Com muito esforço, leituras e dedicação, reuni em 7 quilos (queria 6!) as coisas essenciais para não morrer de frio, calor, tédio ou doenças! Mochila grande Tenho uma Quechua “light” de 50 litros que uso sempre em viagens grandes. Nunca me falhou e, apesar de ser um bocado grande, para esta viagem tinha mesmo que ser. Tudo o que levei dentro da mochila estava dividido por packing cubes (comprei 5 por 4 euros no ebay) que ajudam a organizar a mala. São completamente indispensáveis.…

  • Food for Thought,  Partidas

    Desmistificados: 5 mitos sobre viajar sozinha

    Quando postas na mesma frase as palavras “viajar” e “sozinha” parece que há toda uma magia negra que se apodera de quem as lê ou ouve. O perigo, o medo, a solidão… de repente, o mundo é um lugar negro, cheio bichos papões. Mas muitas destas grandes preocupações são, na verdade, infundadas e a prova é que há muitas mulheres e homens a viajar sozinhos por todo o mundo e estão bem vivinhos e felizes da silva. Por isso, com este post, quero desmistificar alguns mitos sobre solo travelling, tanto para aqueles que querem arriscar mas têm receio como para aqueles que conhecem pessoas que vão viajar sozinhas e NÃO…

  • Partidas

    10 dicas para preparares a viagem da tua vida

    Por “viagem da tua vida” entende-se aquela viagem gigante que sempre quiseste fazer. Aquela volta ao mundo (ou meia volta!) com que andas a sonhar há anos e a poupar ainda há mais. Em vésperas de partir para a primeira viagem da minha vida (sim, porque vão haver mais!) faço uma lista para te ajudar a preparar a tua. O processo de preparação parece infindável… onde é que vou? Como? Quanto é que vou gastar? Vou apanhar malária?! Entre muitas outras questões que parecem não ter resposta à vista. Depois de ter passado por tudo isso e ter encontrado algumas das repostas aqui vão as minhas dicas para não sucumbires…

  • Partidas

    Couchsurfing: 7 passos para conseguires um sofá de forma segura

    Como já escrevi nalguns posts, uso o Couchsurfing para encontrar alojamento e conhecer pessoas em alguns dos sítios que visito. Desde já aviso que o Couchsurfing não é para toda a gente. Há quem não se sinta confortável a entrar na casa de uma pessoa que nunca viu e muito menos a dormir lá. Mas para quem isso não é um problema, o Couchsurfing é uma forma única de conhecer pessoas locais, perceber como vivem e como pensam. Por isso, aqui vai um guia em 7 passos que te vai ajudar a criar um perfil, encontrar um host e ser um/a bom guest! Perceber o Couchsurfing A comunidade de Couchsurfing…

  • Partidas

    Couchsurfing: O que ninguém percebe

    A primeira coisa que oiço quando falo em Couchsurfing é “o quê???” e a segunda é “o quê??? Estás louca!”. Para quem não conhece, o Couchsurfing é uma plataforma onde pessoas do mundo inteiro disponibilizam os seus sofás, chão ou camas para viajantes dormirem. Não existe troca de dinheiro – como no Airbnb por exemplo – o que leva a maior parte das pessoas a pensar que terá certamente que haver outro tipo de trocas. E há. O Couchsurfing é troca de culturas, opiniões, estilos de vida, línguas, comidas… Sim, ainda existem pessoas decentes no mundo 😉 E o que é que se ganha com isto? Muito. Para os hosts…

  • Partidas

    Bibliografia do Viajante

    Uma grande parte da minha memória está ocupada com sites e recursos que uso cada vez que planeio uma viagem. Na minha cabeça também existem planos de viagens capazes de encher os próximos 5 anos da minha vida e alguns deles que se calhar não serão realizados nos próximos 15. Para fazer esses planos uso agregadores de viagens, de hostels e montes e montes de blogues de viagens. Normalmente o objectivo é sempre o mesmo: descobrir a forma mais barata de visitar cada país e encontrar as melhores paisagens que há! Aqui está a minha bíblia low cost: Voos Agregadores: são a melhor forma de encontrar as rotas e voos mais…

  • Partidas

    Alojamento: onde dormir por pouco ou nada

    Lembro-me que quando fiz o meu Interrail e olhei para as minhas contas finais (na altura em que eu fazia um excel detalhado!) vi que a coluna do alojamento tinha “roubado” quase metade do meu orçamento e que isso me fez pensar que devia haver uma forma de viajar mais barata. E há 🙂 é claro que tudo isto depende dos objetivos e formas de viajar de cada um, mas aqui ficam ideias baratas ou gratuitas para todos os gostos. Airbnb Aquele que se tornou o maior inimigo dos hotéis é também um recurso indispensável para qualquer viajante. Desde quartos a apartamentos inteiros, a escolha é infinita. Pessoalmente, gosto de…